O que fazer quando decidir engravidar?

Gravidez planejada! O que fazer antes e depois de decidir ter um bebê?

Olá mamães e futuras mamães, hoje vou dividir com vocês as decisões que tomei quando decidi que estava na hora de ser mamãe.

Bem passado o conflito de será que já estou pronta para ser mãee você finalmente decide que chegou a sua hora, vem outra dúvida, “E agora? O que eu devo fazer?”.

A primeira coisa que eu e meu marido fizemos foi procurar um médico de nossa confiança. Só parei de tomar o anticoncepcional depois que fiz a consulta e realizei alguns exames.

Necessariamente você não precisar consultar ou fazer exames para começar a tentar engravidar, mas essa é uma excelente decisão, pois além de verificar se esta tudo OK com sua saúde, você já tem o primeiro dialogo com médico a respeito do assunto.

Na minha primeira consulta, o médico orientou parar o anticoncepcional quando terminasse a cartela que eu estava tomando, realizei exames de rotina, o famoso “checkup” anual, entre outros exames específicos para quem decidiu engravidar.

O médico me tirou diversas dúvidas, como por exemplo quando seria meu período fértil, afinal de contas eu tomei anticoncepcional por 10 anos.

A resposta dele foi prática, temos que aguardar!

E realmente não adianta meninas, sei o quanto ficamos ansiosas quando decidimos que queremos engravidar, simplesmente queremos o nosso positivo no dia seguinte, mas na prática funciona diferente.

A minha maior dica é realizar a consulta com médico de sua confiança, mas se decidir somente parar com a pílula ou ainda deixar de usar o preservativo, é muito importante que inicie a ingestão de acido fólico.

O acido fólico pode ser encontrado   através da ingestão de vegetais, frutas e cereais, como espinafres, brócolis, lentilhas ou cereais, por exemplo, mas quando se esta grávida ou tentando engravidar a ingestão desses alimentos não é suficiente, sendo necessária a complementação com a ingestão diária de comprido.

Mas o acido fólico vai me ajudar a engravidar?

Não! Mas ele é de extrema importância nesta fase pré gestacional e no inicio da gestação para diminuir o risco de má formação na medula espinhal e cérebro do bebe.

Tomei durante todo o tempo que estava tentando engravidar (quase 1 ano) e continuei tomando após o positivo, até completar 12 semanas. Tomava o Folifolin, é super acessível, pagava em torno de 10 a 12 reais, cada caixa vem com 30 comprimidos.

Outra dica que acredito ser valiosa além de procurar o médico que irá lhe acompanhar durante o pré-natal e a ingestão do acido fólico é a procura de um nutricionista gestacional. Particularmente eu não fiz a consulta, mas acho de extrema importância se você possuí uma alimentação desregrada, pois existem diversos alimentos e bebidas que são necessários evitar e outros acrescentar durante a gestação.

E vocês, qual a dica valiosa que você acredita ser essencial para quem acabou de decidir que quer engravidar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *